Dentistas especializados, pertinho de você!

Posts marcados ‘estresse’

Dor de cabeça pode ser caso para dentista

Se você acorda com dor de cabeça, mandíbula, ombros e pescoço, fale com o seu dentista, você pode estar sofrendo de Bruxismo.

Estima-se que 30 milhões de brasileiros sofram de bruxismo. Como descobrir se você é um deles? As dores de cabeça ao despertar podem ser uma bela indicação do problema.

Sentir dores de cabeça durante o sono, ao acordar ou durante o período da manhã, além de sonolência diurna são sintomas comuns em muitas pessoas. Remédios e soluções imediatas não resolvem, e o que muitos não sabem é que pode ser um problema tratado pelo dentista.

O que é o Bruxismo?

O bruxismo – ou ranger ou apertar os dentes durante o sono – é um distúrbio que atinge homens, mulheres e crianças, e pode causar fortes dores de cabeça.

Isso se dá graças ao esforço insconsciente que a mandíbula faz durante a noite, que causa o mal estar e as dores no dia seguinte. Durante o sono a pessoa pode apertar os dentes ou esfregá-los com força, causando uma fadiga muscular e dores na manhã seguinte. Além da dor de cabeça, o bruxismo causa o desgaste dos dentes, decorrente da pressão que eles sofrem. Todo este processo pode causar inflamação e inchaço na gengiva.

Fundo emocional

O ranger de dentes ou a excessiva pressão da mandíbula é sinal de que algo não está certo nos hábitos do paciente. Na maioria dos casos, é resultado de alguma pressão emocional. O problema deve ser diagnosticado o quanto antes para que não se transforme em um distúrbio crônico e não cause danos mais profundos à saúde bucal e emocional do paciente.

Algumas possíveis causas:

  • Ansiedade e stress;
  • Fumo;
  • Causas psicológicas (traumas ou acidentes);
  • Distúrbios do sono como ronco e a apnéia;
  • Fatores neurológicos como aumento da adrenalina;
  • Fatores externos (medicação, remédios antidepressivos);
  • Drogas;
  • Alinhamento incorreto dos dentes;
  • Consumo excessivo de álcool e cafeína.

Previna-se

A melhor maneira de prevenir o problema é cuidar bem do sono. Adotar hábitos que levem a um sono tranquilo é essencial. Também recomenda-se evitar o excesso de bebidas alcoólicas, o consumo de cigarros e drogas. Outra dica é não ingerir cafeína (presente em algumas bebidas alcoólicas, refrigerantes, chocolate, café e chá preto) após às 18h. Exercícios intensos (tanto físicos quanto mentais) de 2h30 a 3h antes de dormir também deixam o sono agitado e podem contribuir para o ranger de dentes.

Tratamento

Pode ser feito através de medicação, placa dental ou ainda fisioterapia orofacial. Esta fisioterapia pode ser feita pelo próprio dentista. Não existe um tempo estimado para a duração do tratamento, pois varia de pessoa para pessoa. O tratamento dependerá da causa da dor: que pode ser muscular ou articular.

Se a causa da dor estiver relacionada ao mau posicionamento dos dentes, o tratamento pode incluir um aparelho fisioterápico e uma placa de resina acrílica, para evitar que os dentes se encostem e estejam protegidos pela placa de resina.

A melhor opção é sempre falar com o seu dentista. Somente esse profissional pode encontrar a melhor forma de solucionar cada caso de bruxismo.

Anúncios