Dentistas especializados, pertinho de você!

Posts marcados ‘quebrado’

E agora?

Saiba o que fazer em uma emergência odontológica

Será que um acidente como este pode acontecer com você?

Acidentes não têm hora para acontecer. Geralmente a hora escolhida é quando você menos espera. Na maioria desses momentos, não há um dentista por perto para assegurar que o atendimento correto aconteça.

Mas você pode ajudar, simplesmente aplicando alguns procedimentos básicos, que ajudarão o dentista em um momento posterior.

Veja as dicas do Centro Odontológico Campeche para você prevenir problemas maiores quando tiver algum desses acidentes.

Objeto Preso Entre os Dentes

Não tente remover o objeto com uma faca ou outro instrumento pontiagudo. Use o fio dental para retirar o objeto e seja cuidadoso, para não machucar a gengiva.

Se não conseguir remover o objeto, consulte o seu dentista.

Dente fraturado:

Limpe cuidadosamente a sujeira, sangue ou fragmentos de dente da área afetada. Use água filtrada para limpar bem o ferimento.

Aplique compressas frias no rosto e na área do dente quebrado, para diminuir o inchaço.

Se houver sangramento, faça pressão diretamente na área que está sangrando com um pano limpo.

Pegue o fragmento dental e leve ao seu dentista imediatamente, pois ele vai avaliar a possibilidade de colar esse pedaço de dente, além de outros procedimentos.

Dente Extraído por Acidente:

Se for um dente permanente, o reimplante é possível, mas para isso, você precisa tomar alguns cuidados:

Controle o sangramento mordendo um pano limpo ou uma gaze.

Ache o dente, sem tocá-lo pela raiz. Enxágue o dente com cuidado em água mineral. Nunca esfregue a raiz na tentativa de limpá-la.

Encaixe o dente cuidadosamente no local da gengiva de onde ele caiu, mantendo-o firme. Você pode morder uma gaze ou um pano para manter o dente no lugar. Se o encaixe não for possível, mantenha-o embaixo da língua ou coloque o dente em um recipiente com leite ,ou soro fisiológico, ou apenas água mineral.

Dá pra reimplantar?

O sucesso de um reimplante depende muito do período que o dente ficar fora do seu lugar. A Dra. Érica Castro Cantarutti,  cirurgiã-dentista do Centro Odontológico Campeche dá a dica:

“É importante que esse período seja o menor possível, não pode exceder duas horas, e que o dente seja conservado em um local úmido. Se o período exceder duas horas e o dente não for armazenado sob condições adequadas, o ligamento periodontal, que existe entre o dente e a parte óssea que o sustenta, morre e o organismo rejeita o dente reimplantado, como se ele fosse um corpo estranho.”

“Após o reimplante do dente, o dentista deve avaliar a necessidade do uso de contenções e do tratamento de canal (endodontia)”, completa a Dra. Érica. Segundo ela, após o reimplante, o paciente também deve cuidar da alimentação: “coma apenas alimentos líquidos ou pastosos durante as duas primeiras semanas”, ensina.

E se for um dente de leite?

Já com os dentes de leite (decíduos), os procedimentos são outros:

Nunca tente encaixar na gengiva. Lembre-se que há um dente permanente nascendo logo acima desse dente de leite. Por isso, provavelmente não haverá maneira de recuperar o dente de leite extraído por acidente .

Se o dente de leite amolece ou é deslocado de sua posição original, o seu dentista deve ser consultado, para que a extensão do dano seja avaliada. Muitas vezes, esse dano é maior do que aparenta ser.

Frequentemente, é preciso radiografar o dente e observar por um período determinado. O seu dentista irá orientar sobre os cuidados a serem tomados na área afetada, assim como sobre futuros problemas que poderão comprometer a dentição permanente.

Em qualquer ocasião, procure o seu dentista o mais rápido possível, para que ele possa fazer os procedimentos adequados.

Mudança na Cor do Dente Acidentado

É comum ocorrer, após 2 ou 3 dias do acidente, uma mudança de cor, um escurecimento do dente afetado. Essa mudança pode significar que o dente perdeu sua vitalidade, e um tratamento de canal é necessário.

Nos dentes de leite, nem sempre a mudança de cor significa perda da vitalidade. Em muitos casos, a cor pode retornar ao seu normal. Deixe que o seu dentista acompanhe o caso.

Dor de Dente

Enxágue a boca com água filtrada para limpá-la.

Passe o fio dental cuidadosamente para remover eventuais restos de alimento.

Se houver inchaço, não aplique compressas interna ou externamente e não coloque nenhum remédio no dente ou na gengiva.

Se a dor persistir, consulte o seu dentista.

Mordida no lábio ou na língua

Limpe a região afetada e faça pressão diretamente na área do sangramento com uma gaze ou pano limpo. Para reduzir a salivação e em caso de inchaço, faça compressas frias.

Se o sangramento não parar, procure um pronto-socorro imediatamente.

Fonte:
Associação Americana de Dentistas
Revista APCD